Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Les arbitre’

Dizem que fazer o simples pode ser muito difícil. Enxergar o que está na cara. A expressão é de Nelson Rodrigues: o óbvio ululante. Pois, os idealizadores do filme Les arbitre (Os árbitros) viram o óbvio. Um documentário que acompanha a vida, o pré-jogo, o jogo e o pós-jogo de árbitros durante a Euro 2008. O que pode ser mais interessante que vislumbrar os sentimentos de quem os esconde de nós, amantes do futebol?

Fora a maestria que o documentário é conduzido, as coisas óbvias não saem da minha cabeça. Já imaginaram a filhinha do árbitro assistindo ao jogo pela televisão e esbanjando felicidade  quando seu pai aparece bem grande na tela, no comprimento dos capitães? Imaginaram ela gritando “- Bravo, papi!” quando ele aplica veementemente um cartão amarelo? Pois é.

Outro susto: um árbitro explicava a seus auxiliares as coisas imprescindíveis para uma boa atuação. Coragem, concentração e, acima de tudo: “- Procurem divertir-se”. Divertir?! Na hora passou-me pela cabeça que havia entendido errado, legenda em francês, o árbitro italiano desenrolando um inglês… Mas nem voltei para conferir. Deve ser isso mesmo. Tem que ser isso. Pois até mesmo a comemoração dos árbitros se abraçando depois de uma boa atuação, num quartinho fechado, me surpreendeu. Imaginem comemorar, divertir-se, antes do resultado: pelo simples exercício da profissão. Soa absurdo? Mas não é óbvio que a gente deve gostar do que faz para fazê-lo bem?

Pela obviedade, só em 1982 um árbitro não-europeu apitou uma final de Copa do mundo. Um latino-americano. Os latinos são felizes, alegres, desprovidos da frieza e comedimento de um europeu. Mesmo assim, Arnaldo César Coelho apitou a final entre Itália e Alemanha naquele ano. E o filme me ensinou outra coisa, importantíssima. Nenhum brasileiro, nem mesmo o Dunga, ficou tão feliz com a eliminação daquela magistral seleção do Brasil quanto o Arnaldo. Chegasse seu time de coração à final, ele nunca apitaria a partida mais importante de sua vida.

Read Full Post »